A certificação do Caminho Português Interior de Santiago já é uma realidade

Na sequência da candidatura liderada pela Federação Portuguesa do Caminho de Santiago durante a segunda metade do ano de 2020 e submetida à Entidade Certificadora, do Turismo de Portugal e da Direção Geral de Património Cultural, o agrupamento de entidades parceiras, constituído pelos municípios atravessados pelo histórico Caminho de Santiago no interior centro e norte de Portugal, viu hoje ser reconhecido o itinerário do Caminho Português Interior de Santiago.

Este trabalho de extensa pesquisa, verificação e validação de inúmeras publicações e levantamento no terreno, teve por base o trabalho científico do centro de investigação CETRAD da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro que, em colaboração com o grupo de trabalho do CPIS de Viseu, Castro Daire, Lamego, Peso da Régua, Santa Marta de Penaguião, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar e Chaves, culminou na constituição de um dossier de certificação que não só visa a descrição detalhada do traçado original do Caminho de Santiago, mas também um plano de valorização do mesmo, designadamente através da definição e implementação de um conjunto alargado de ferramentas de apoio ao peregrino e amigo do Caminho de Santiago.

Atualmente, encontram-se em fase de conclusão a implementação e melhoria da sinalética ao longo de toda a extensão do território de referência para o Caminho Português Interior de Santiago, a reabilitação dos albergues e ainda um programa de comunicação e relacionamento de proximidade com o peregrino e demais atores e parceiros do Caminho de Santiago, com grande foco nas novas tecnologias e canais digitais, aproximando toda a comunidade e potencializando os recursos já existentes, desde logo o conhecimento coletivo já agregado pelos membros da entidade gestora, associações de apoio ao peregrino e ainda por todos os agentes que operam em contributo da Comunidade Jacobeia.

Recentemente, a Federação Portuguesa do Caminho de Santiago lançou uma nova iniciativa de acreditação de parceiros, o Selo “Hospitalidade Jacobeia”, que visa diferenciar a oferta turística nacional e valorizar produtos e serviços atendendo às necessidades específicas do peregrino do Caminho de Santiago, em Portugal.

O Caminho Português Interior de Santiago, agora certificado na sua extensão de 214 km em território nacional, com 11 etapas, e centenas de pontos de referências ao longo dos 8 concelhos, será em breve submetido a um novo processo de certificação, que visa estender o itinerário, atualmente conhecido e documentado, à ligação de Coimbra – Viseu, estabelecendo assim a conexão a este grande centro histórico e completando o percurso histórico.

Notícias

https://www.portugal.gov.pt/pt/gc22/comunicacao/comunicado?i=certificado-caminho-portugues-de-santiago-interior

https://www.jn.pt/nacional/governo-certificou-caminho-portugues-de-santiago-interior-entre-viseu-e-chaves-14234246.html

https://rr.sapo.pt/noticia/religiao/2021/10/19/governo-certifica-caminho-portugues-de-santiago-interior/257405/

https://www.publico.pt/2021/10/19/fugas/noticia/ja-certificado-caminho-portugues-santiago-interior-1981616

https://agencia.ecclesia.pt/portal/evento/igreja-peregrinacoes-caminho-portugues-de-santiago-interior-recebeu-certificado/

 

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo
X